Prece de Cáritas

sábado, 18 de junho de 2011

A Prece e a Meditação

Ao programarmos o nosso dia, é importante reservarmos tempo para fazer muitas atividades diferentes: Trabalhar, nos divertir, ficar com a família, desenvolver alguma atividade física.
Também é importante ter tempo para orar e meditar todos os dias.
Mesmo se não acreditarmos na oração no sentido tradicional, o ato de orar nos ajuda a voltar o pensamento para a espiritualidade e a concentrá-lo nela. As primeiras horas do dia são ideais para fazermos o ritual da oração.
Para isso, não precisamos ter uma crença religiosa especial, mas simplesmente reservar um tempo para pensar sobre os nossos objetivos, ideais e convicções mais elevadas.
Ao concentrarmos as nossas atitudes no ponto de vista espiritual, pedimos orientação e a ajuda do Poder Superior. Preparamo-nos, assim, para tomar decisões sábias e para dar contribuição útil aonde quer que formos.
Meditar não significa necessariamente fazer visualizações, entoar cânticos ou qualquer outra coisa em especial, mas reservar um tempo para deixar de lado todos os pensamentos do ego. Podemos simplesmente relaxar e deixar a mente vagar, ou nos concentrar num problema, abrindo nossa mente para possíveis soluções.

É importante termos tempo para orar e meditar todos os dias, não importa de que forma. É sempre muito bom reservar alguns momentos para abrir os horizontes mentais.
Uma das maneiras mais agradáveis de alimentarmos nosso espírito é através do processo de aprendizagem. Não importa a idade que tenhamos ou quanto tempo faz que deixamos a escola, sempre podemos continuar aprendendo.
Podemos estudar outra cultura ou idioma ou ler um livro sobre assunto que seja novo para nós. Não há limite para todas as coisas novas que podemos aprender. Dedicar um tempo ao aprendizado não só mantém nossa mente trabalhando e ajuda a aumentar a nossa autoconfiança, como também supre a necessidade espiritual que temos de nos desenvolver.

Toda nuvem escura tem um contorno prata que deveríamos olhar para o seu lado brilhante e agradecer. Mas, em certas ocasiões, essas palavras encorajadoras parecem vazias e sem sentido. Às vezes, sentimo-nos incapazes de ver algo bom numa situação ou numa circunstância em que nos encontramos. São nesses momentos em que a gratidão é benéfica. Olhar ao redor para observar as mínimas coisas e agradecer por elas pode ajudar a ver as bênçãos que nunca demos valor.

Olhar para trás e ver como evoluímos com o passar dos anos, pode nos incentivar a avançar cada vez mais. Não há ninguém no mundo que, em algum momento da vida, não tenha realmente algo a agradecer.

2 comentários:

  1. Olá,

    somos da assessoria de comunicação de um grupo de artesãos que desenvolvem objetos para ajudar no alívio do stress, na prática da meditação ou simplesmente no passatempo, como japamalas, masbahas e kombolóis. Gostaríamos de convidá-l@ para uma visita em nosso blog e em nossa página no Facebook: http://maosocupadas.blogspot.com

    Um abraço,
    Ahow! Comunicação

    ResponderExcluir
  2. Olá,
    Obrigado pelo convite e farei a visita em Vosso Blog.
    Um abraço,
    Kuinta com Q

    ResponderExcluir